Blog de Augusto Vieira


08/08/2009


O esporte ajudando na recuperação de pacientes.

 

29/05/09 - 19h10 - Atualizado em 29/05/09 - 19h10

Caratê devolve vigor para pacientes com câncer

As artes marciais podem ajudar pacientes que fazem quimioterapia a recuperarem a energia e a melhorar a qualidade de vida de quem luta contra a doença.

SÔNIA BRIDI E PAULO ZERO Paris

 


Há uma diferença entre ser ativo e praticar esporte. E há uma imensa distância entre competir com outra pessoa ou um adversário que está dentro de você.

As artes marciais são chamadas em japonês de caminho. Caratê é o caminho das mãos vazias: uma luta de defesa, desarmada, em que o lutador só conta com a própria força contra o inimigo. O caminho de lutadores mais velhos – e mais frágeis – começou com um diagnóstico: câncer.

Golpes que vêm de dentro, segundo os caratecas, pela força do corpo aumentada pela alma. Existe quase um acordo secreto: em encontros semanais, pouco se fala sobre a doença. Sabe-se que o outro está na mesma guerra. É a força de um alimentando silenciosamente a do outro.

O campeão europeu de caratê, Jean-Marc Descotes, conhece o poder incrível que essa arte marcial tem para transformar quem a pratica. Há nove anos, ajudou a criar uma associação. Ele sabia que exercícios físicos diminuem o risco de surgimento de câncer de mama e outros tumores.

Com o acompanhamento dos médicos, provou que o caratê pode ir além: ajudar pacientes que fazem quimioterapia a recuperarem a energia depois das sessões e melhorar a qualidade de vida de quem luta contra o câncer.

Gilbert voltou a confiar em si mesmo e abandonou os antidepressivos. Ele teve câncer de próstata e garante que, graças ao caratê, recuperou o vigor, o que é muito importante para um homem.

Gilbert está no grupo há sete anos. Amy, há três. A diretora artística conta que não tinha forças nem para pegar o metrô depois das primeiras sessões de quimioterapia. Com duas semanas de caratê, a energia voltou. Ela faz tratamento médico há quatro anos e o câncer está regredindo agora. Amy fala abertamente que está em guerra, luta para sobreviver e, em grupo, encontrou algo para se agarrar à vida: o caratê.

Ao ser perguntado se sua vida mudou depois de acompanhar histórias tão fortes como a de Amy, Jean-Marc fala que vê pessoas doentes, que fazem quimioterapia e que vão assim mesmo. Sorriem para ele e dizem "obrigado" na saída.

"Se você não aprender com isso, jamais vai aprender alguma coisa em toda a sua vida", diz o campeão de caratê.

Fonte: http://g1.globo.com/globoreporter/0,,MUL1176218-16619,00-CARATE+DEVOLVE+VIGOR+PARA+PACIENTES+COM+CANCER.html

Escrito por Augusto Vieira às 16h31
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

06/08/2009


E o Senado Federal continua afundando...

Diretores de garagem, atos secretos, "tardes molhadas", entre outras tantas canalhices e, como se não bastassem toda essa pouca vergonha, a moda agora e dizer palavrão!

         Escondam as crianças! TV senado é imprópria para crianças e pessoas de decentes!

         Bate-boca dos senadores Pedro Simon e Fernando Collor:

Bate-boca dos senadores Tasso e Renan

 

Segundo o site yahoo o diálogo foi:

- Tasso Jereissati: "Não aponte esse dedo sujo para cima de mim."

- Renan Calheiros: "Dedo sujo é o do senhor, que paga jatinho com dinheiro do Senado"

- Tasso: "O dinheiro é meu, o jatinho é meu. Não é igual ao que você anda com seus empreiteiros. Coronel, cangaceiro de terceira categoria!"

- Renan, fora do microfone, fala uma frase, que, segundo alguns senadores, foi: "Coronel de merda!"

- Tasso grita: "Me respeite!"

Renan também: "Me respeite!'

E Renan aponta para Tasso: "Você é minoria com complexo de maioria."

Tasso se dirige ao presidente Sarney e diz que Renan está-lhe dirigindo palavras de baixo calão e pede que seja feita representação contra ele por falta de decoro. Renan se dirige a Sarney e pede a retirada a expressão "minoria com complexo de maioria".(http://br.noticias.yahoo.com/s/06082009/25/politica-renan-tasso-batem-boca-trocam.html)


Escrito por Augusto Vieira às 23h39
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

05/08/2009


Copa do Mundo 2014

É, as construções de estadios novos e reforma dos já exisitentes, pelo que falou Ricardo Teixeira, vão ser financiados em sua grande maioria com os recur$o$ públicos,  "os únicos estádios que ficariam de fora da lista seriam os particulares (Beira-Rio, Morumbi e Arena da Baixada), sendo que o de Recife segue indefinido, já que não se sabe se a nova arena será construída com dinheiro público ou iniciativa privada"( http://tribunadonorte.com.br/noticia/cbf-admite-uso-de-dinheiro-publico-nos-estadios-da-copa-2014/121468 ).

Escrito por Augusto Vieira às 15h43
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

04/08/2009


O que é bicicletada?


O QUE É A BICICLETADA? - A pergunta que não quer calar...


Bicicletada é uma iniciativa civil livre e horizontal, que busca promover os meios de transporte coletivos e os não-motorizados, pensando sempre em atitudes mais ecológicas e sustentáveis, combatendo o individualismo motorizado (ou o desejo individual de possuir um carro), responsável pela degradação do meio ambiente, aquecimento global, engarrafamentos crescentes e deterioração da qualidade de vida nas cidades.


O movimento mostra a bicicleta como um meio de transporte alternativo, ideal para pequenas distâncias. Também promove a cidadania, através da disseminação de uma cultura de fraternidade, de harmonia entre as pessoas no meio urbano, além de lutar pelas causas específicas dos ciclistas, como respeito por parte dos carros, mais e melhores ciclovias, bicicletários e etc.

Acontecendo em mais de 200 cidades ao redor do mundo, começou com o movimento Massa Crítica (Como a Bicicletada é chamada em alguns países), que nasceu em São Francisco em 1992, mas que logo se espalhou internacionalmente. Consiste numa pedalada (skatada, patinetada, ou qualquer meio de transporte não-motorizado) pacífica onde os participantes se confraternizam e saem pela cidade panfletando, com cartazes e mensgens como "Bicicletada: Um Carro a Menos" e "O ar que você polui é o ar que eu respiro", sempre dando exemplo no trânsito de respeito aos pedestres, ciclistas entre si e, por que não, aos motoristas, numa postura civilizada e agradável a todos.

Tradicionalmente acontece às sextas feiras à noite, no horário de pico do trânsito, em atitude de contestação e protesto contra a cultura do automóvel, que polui o ar das cidades e perverte a lógica da organização e administração urbana que dá preferência aos carros e não às pessoas. No caso de Natal, a Bicicletada sai sempre no último domingo do mês, pois ainda não se alcançou a "massa crítica" para se realizar nas sextas.

A concentração da Bicicletada Natal ocorre às 15 horas em frente ao IFRN (antigo CEFET – Salgado Filho) e a saída acontece às 16 horas. O roteiro é decidido ou na Assembléia da Bicicletada ou na hora pelos próprios participantes. O único requisito é um veículo não-motorizado (bicicleta, patins, skate, patinete, etc). Panfletos, cartazes, alegorias e boas idéias são muito bem-vindos.

BICICLETADA - POR UM MUNDO SEM CINZAS


Celebramos a locomoção inteligente, que não polui o ar, não congestiona as ruas e humaniza a cidade. Trocamos idéias e experiências para consolidar alternativas de locomoção. Ocupamos o espaço público para promover a convivência e a humanidade.

Por um caminho rumo à Humanidade
--//--

No caso de Natal, além da própria Bicicletada e outros eventos, como Fóruns e Multirões, realizamos mensalmente uma reunião com a ONG ASPOAN (Associação Potiguar do Amigos da Natureza). Esses encontros tem a finalidade de discutir diversos assuntos, como, por exemplo, os dados levantados durante o mês sobre o Plano de Mobilidade Urbana de Natal , uma iniciativa da Prefeitura que está acontecendo sem convidar a sociedade civil e que agora estamos buscando nos envolver.

--//--

BICICLETADA NATAL - Por um mundo sem cinzas
http://bicicletadanatalrn.blogspot.com/2009/04/bicicletada-e-uma-iniciativa-civil.html

Escrito por Augusto Vieira às 10h56
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

03/08/2009


Descaso

    Essa foi demais, deu no jornal tribuna do norte:


        "O placar eletrônico do Estádio Machadão tombou na tarde desta segunda-feira (3). De acordo com o secretário de Esportes e Lazer (Sel), Tertuliano Pinheiro, a queda foi fruto da falta de manutenção e da marisia na cidade.

Tertuliano afirma que irá se reunir com os engenheiros da prefeitura ainda hoje para resolver o problema."

FONTE:http://novo.tribunadonorte.com.br/noticia/placar-eletronico-do-estadio-machadao-cai-por-falta-de-manutencao/121271

Escrito por Augusto Vieira às 17h46
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

02/08/2009


Corrida Jurídica

14ª Carreira Jurídica

Data do Evento: 09/08/2009

Distância: 4,7Km

Horário:09h

Largada e Chegada: A largada será na Av. Cap. Mor Gouveia (próximo a antiga Fiação Borborema - atual Coats) e a chegada em frente a prefeitura do Campus - UFRN.

Taxa de inscrição: 2 Kg de alimento não perecível (exceto sal).

Local de inscrição: OAB/RN (Av. Câmara Cascudo, 478 - Cidade Alta - CEP: 59025-280).

Período de incrições: 27 de julho à 05 de agosto, das 12h às 18h.

Números de participantes: Limite de 500 atletas.

Informações:Fone: (84) 4008.9400

Fonte: http://www.tesportes.com.br/Noticias_CorridadaOAB.html

Escrito por Augusto Vieira às 21h23
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Corrida do carteiro

 

Se você gosta de correr aproveite:

Circuito Nacional da Corrida do Carteiro
Etapa Natal/RN

Data do Evento: 29/08/2009

Distância: 10Km

Horário: 15h30min

Largada e Chegada: A largada será ao lado do trevo que liga a estrada de Ponta Negra à Av. Praia de Pirangi e a Chegada no relógio do Sol-Areia Preta.

Taxa de inscrição: 2 latas de leite em pó - 400g (cada).

Local de inscrição: Av. Senador Salgado Filho, 1900 - Lagoa Nova (Em frente ao prédio do INSS de Lagoa Nova).

Período de incrições: 27 de julho à 14 de agosto, das 8h às 17h.

Números de participantes: Limite de 500 atletas.

Informações: (084) 3089 - 0054 ou 8855 - 9925

Fonte:http://www.tesportes.com.br/Noticias_CorridadoCarteiro09.html

Escrito por Augusto Vieira às 21h21
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Perfil



Meu perfil
BRASIL, Nordeste, Homem, de 26 a 35 anos, Cinema e vídeo, Livros, sociologia, karatê, corrida de rua, bike

Histórico